quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Quiche de Legumes da Mariana


Olá!

Ainda nos tempos em que não tinha, nem sequer pensava em ter um blog, já era uma visita assídua no blog da Mariana... tenho um grande carinho por ela, apesar de não a conhecer pessoalmente, as palavras dela são sempre cheias de ternura e grande amizade...ah, e claro tem umas receitinhas deliciosas...! heheh
Hoje deixo-vos uma sugestão que provei e aprovei...esta quiche é muito saborosa e práctica e fez as delícias lá em casa!

Em vez de couve lombarda, usei beringela, juntei mais uns cogumelos e milho. No refogado, temperei também com um pouco de pimenta preta, sal, caril e um cubo de tempero de alho&coentros...

Espreitem a receita aqui.



Bom apetite!!

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Legumes no forno



Eu gosto muito de legumes, sejam eles cozidos, salteados ou assados... já disse e volto a dizer...dêem-me legumes que eu fico feliz! :))
Gosto muito de os assar no forno. Quando vou assar carne aproveito e meto lá sempre um tabuleiro com eles... ficam deliciosos, quase que só me apetece comer os legumes...

Costumo fazer um tabuleiro mais recheado que este (que mais tarde colocarei aqui)... mas como o meu tio me tinha dado um saco cheio de alhos franceses, tinha de os gastar... então desta vez fiz assim...

Ingredientes:

Alho francês
Courgette
Cebola
2 ou 3 dentes de alho
3 colheres de sopa de sementes de sésamo
3 colheres de sopa de sementes de girassol
Azeite q.b.
2 colheres de sopa de vinagre de Cidra
Sal q.b.
Pimenta preta q.b.

Preparação:

Lave bem e corte todos os legumes em rodelas e meias luas. Coloque tudo no tabuleiro de ir ao forno.
Tempere com sal e pimenta, regue com um pouco de azeite e o vinagre de cidra.
Polvilhe com as sementes de sésamo e girassol na quantidade desejada.



Leve ao forno pré-aquecido a 180º durante uns 40m.
Vá mexendo de vez em quando para envolver bem os legumes.

Já no prato pode colcar um pouco mais de pimenta a gosto...



Bom apetite!!

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Ovos estrelados com legumes e queijo



Ideal para quando só temos 7 m. para cozinhar e 10 para comer... foi isso que me aconteceu no outro dia e ainda bem...eram para sair uns ovinhos mexidos, coisa rápida...mas vocês já conhecem a história...abre-se o frigorífico e a imaginação começa a trabalhar... o final desta minha história revelou-se num momento, embora breve... maravilhosamente saboroso...a repetir sem dúvida!
A mistura dos sabores é deliciosa...

Ingredientes:

2 ovos
4 rodelas finas de courgette
7 rodelas finas de alho francês (parte branca)
4 meias-luas finas de cebola
2 colheres de sopa de mistura 4 queijos (também usei aqui)
1 pitada de sal
1 pitada de alho&coentros (Espiga)
2 ou 3 pitadas com o moinho 5 pimentas&coentros
3 ou 4 pitadas de oregãos secos
1 fio de azeite

Preparação:

Coloque um fio de azeite numa frigideira anti-aderente e leve a fritar a cebola o alho francês e a courgette. Quando vir que os legumes estão a ficar translúcidos, parta dois ovos e deixe estrelar um pouco, em lume baixo. Tempere com sal, a pimenta, alho&coentros e os oregãos.
Quando a clara estiver totalmente branca, coloque por cima o queijo e tape a frigideira com uma tampa. Os ovos vão acabar de fazer e o queijo derreter (mantenha o lume no mínimo).




Acompanhe com uma bela fatia de pão...





Os melhores ovos estrelados que eu já comi... :)


Bom apetite!!

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Gelado ou sorbet?...

O nome da minha sugestão de hoje é Gelado de Amoras silvestres com praliné de Pistachio... mas eu passo a explicar o porquê da dúvida...

Na semana passada fui com o meu irmão e com o meu sobrinho às amoras... apesar da pausa forçada (tive de trocar de roupa e calçado...sim, porque apanhar amoras de chinelos não dá com nada...ficamos todas picadas e a roupa também fica com uns "arrebites" esquisitos...) ainda apanhámos quase 500 gr de amoras!
Era tão doces!! Parecia que tinha chovido açúcar em cima delas...negras e moles, mesmo no ponto!
Pensei em tartes, em batidos, em doces e compotas...mas como é Verão, saiu um geladinho!
Lembrei-me de juntar mais alguma coisa ao gelado e comprei uns pistachios... depois de procurar, vi uma receita numa revista do Continente, mês de Julho, e encontrei lá uma sugestão que me pareceu ideal... praliné de pistáchio, e assim foi!

Tirei a receita do delicioso blog da Nárwen, o Nárwen's Cuisine... uma receita muito simples de fazer e muito práctica!

Agora verdade seja dita...não correu lá muito bem! ...1º as natas não ficaram bem batidas e nem que viesse lá o dono da Mimosa elas ficavam boas...!! 2º queria juntar claras batidas em castelo...idem idem aspas aspas... (imaginem o meu estado de nervos nesta altura...hehe) depois desisti das claras (mas para a próxima experimento mesmo com claras em castelo!)... e para acabar em grande...não segui à risca a dica de mexer o gelado de 2 em 2 horas, para não ganhar cristais de gelo... e, claro... ganhou cristais de gelo!

Podia ter sido um experiência falhada, não fosse o sabor maravilhoso do gelado, com pedaços inteiros de amoras e do praliné! Ainda bem que o fiz, compensou tudo o resto... Os 2 sabores combinam mesmo lindamente!! Experimentem...




Ingredientes para o gelado:

400 gr de amoras (usei quase 500 gr)
200 gr de açúcar
200 ml de natas (de preferência bem frias)
200 ml de leite

Preparação (tradicional):
Lave bem as amoras e coloque-as num recipiente.
Esmague as amoras em conjunto com o açúcar, até obter uma polpa. Se achar necessário pode utilizar a varinha mágica. Reserve algumas inteiras.
Bata as natas bem firmes. Junte as natas ao preparado das amoras com o açúcar e junte o leite. Envolva tudo muito bem. Junte as amoras que reservou inteiras e mexa.

Coloque em  recipientes (eu usei caixas de gelado de compra) e leve ao congelador durante o mínimo de 6 horas. Não se esqueça de mexer com uma colher de 2 em 2h, ( +ou-), para não ganhar cristais de gelo (!).

Para o praliné:
1 embalagem de pistachios
50 gr de açúcar


Preparação:
Descasque os pistachios. Reserve.
Coloque numa frigideria anti-aderente o açúcar em lume médio/alto. Deixe aquecer um pouco e junte os pistáchios.

Na receita não referia, mas eu achei necessário juntar umas gotas de água para caramelizar melhor e mais rápido. Mexa sempre até ficar pronto.


Sirva o gelado coberto de praliné...  



No final todos rimos com este "Calippo" de amoras... e que bem que nos soube!! :)

Bom apetite!!

Desejo-vos um óptimo fim de semana!! ...Aproveitem e sejam felizes!

Entardecer visto do meu quintal...

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Pimentos recheados



Tenho lá em casa "sacadas" de pimento verde...o aroma é maravilhoso!!
Gosto muito de pimento e para não comer sempre assado ou crú em saladas resolvi variar... como tenho cá em casa a familia, aproveitei para experimentar uns pimentos recheados que tanto me tentaram em inúmeros blogs!

Fiz para o jantar e como não tinha muito tempo, tentei simplificar e fiz um recheio de carne picada. Estavam mesmo muito bons, todos gostaram muito!! Uma agradável surpresa foi o queijo que utilizei para gratinar. Nunca tinha experimentado e posso dizer que foi mesmo o ideal para este prato!! É indicado para gratinados e é delicioso!! ... Mais um artigo provado e aprovado para acrescentar à minha lista de compras :)


Ingredientes para rechear entre 10 pimentos médios:

10 Pimentos médios
1kg de carne picada (500 gr de vaca + 500gr de porco)
1 cebola
3 dentes de alho
1 tomate médio maduro (ou em lata)
1 lata de cogumelos laminados (pequena)
Mistura de 4 queijos ralados (queijo edam, maasdam, cheddar vermelho e queijo curado)
Comprei no Minipreço, marca Dia
4 colheres de sopa de azeite

Para o tempero da carne:
Sal q.b.
Noz-moscada q.b.
2 colheres de chá de "5 pimentas & coentros" ... (mais uma revelação surpresa, muito bom para temperar!!)
Comprei no Minipreço, marca Dia
Malaguetas secas piri-piri
5 cl de vinho branco

Preparação:

Comece por abrir os pimentos, tirar as sementes e lavá-los bem. Reserve.

Num wok ou frigideira grande, coloque a cebola e os alhos picados a refogar em azeite. Quando a cebola estiver translúcida, junte o tomate cortado em bocadinhos. Deixe apurar e depois junte a carne picada.
Vá mexendo sempre até mudar de cor.
Pique os cogumelos em pedacinhos e junte à carne. Tempere com as especiarias e o sal, e misture bem.
Deixe em lume baixo para a carne libertar bem o suco durante uns 15 a 20 minutos.
Ao fim deste tempo refresque com o vinho branco. Deixe evaporar e retifique os temperos se achar necessário.

Nota: Para que a carne fique bem apurada e temperada deixe em lume baixo o mínimo de 20m.

Depois de pronta, com a ajuda de uma colher de sopa, encha os pimentos com a carne e coloque num tabuleiro de ir ao forno.
Por cima polvilhe cada um com a mistura de queijo ralado.
Leve ao forno pré-aquecido a 180º durante 20 a 30m. Vá vigiando para não deixar queimar os pimentos.


A mistura do sabor do pimento com a carne e o queijo estava deliciosa...

Acompanhei com massa espiral 3 cores...

 



10 pimentos
4 queijos
5 pimentas
3 cores... :)

Bom apetite!!




quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Bifes de Peru Deliciosos

Olá! :)

Queria fazer bifes de perú com sopa de cebola, mas pensei porque não juntar-lhe mais umas natinhas...? e uns cogumelos...? e um bacon...? e foi assim...
É uma facadinha na dieta mas, uma vez por outra, sabe muito bem... hihihi


Ingredientes para 2 pessoas: 

2 bifes de peru (grandes)
100 g de tiras de bacon (sem courato)
1 lata de cogumelos 300g
1 cebola pequena
Azeite q.b.
1 pacote de natas light para culinária
1 pacote de sopa de cebola
1 cerveja mini preta (só tinha preta em casa, mas pode ser branca)
1 pacote de queijo mozzarella ralado
Margarina (facultativo)

Para temperar a carne:
1 pitada de pimenta preta moída
1 pitada de noz-moscada
1 pitada de alho em pó
Sumo de 1/2 limão
Preparação:
Corte os bifes de peru em tiras médias e tempere. Deixe marinar uns 15 minutos.
Numa frigideira grande, aqueça um fio de azeite e refogue a cebola cortada em meias luas finas, em lume baixo. Junte o bacon e deixe fritar. Entretanto, junte as tiras de peru e vá mexendo para fritarem dos dois lados. Acrescente depois os cogumelos e envolva tudo bem.


Quando vir que a carne já esta bem cozinhada, polvilhe o preparado com a sopa de cebola e junte de seguida a cerveja. Envolva tudo muito bem e deixe apurar em lume baixo uns 4 minutos.
Findo este tempo, junte as natas e volte a mexer para as envolver. Deixe ferver uns 2 ou 3 minutos e rectifique o tempero de noz-moscada e pimenta, se achar necessário.
Coloque o preparado num tabuleiro untado com margarina (facultativo) e polvilhe com o queijo mozzarella ralado.
Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 10/15 minutos, até dourar.


Fiz um arroz branco frito para acompanhar... Ficou delicioso!!


Bom apetite!!



terça-feira, 23 de agosto de 2011

Viagens e sabores...



Vi hoje este vídeo e achei-o mesmo muito giro! Deliciei-me ao vê-lo e lembrei-me de partilhá-lo aqui com vocês!
Para mim, apaixonada pela cozinha, ver lindas refeições, de vários países, com paisagens lindas e imaginar os sabores...os aromas... os ingredientes...o simples facto de ver a mim fascina-me imenso!

Não sei se convosco é ou foi assim, mas eu desde criança que "inconscientemente" os meus programas preferidos eram os de culinária...adorava ver os cozinheiros (as) a preparar mil e uma iguarias... quase preferia ver a Filipa Vacondeus e o Manuel Luís Goucha a ver os desenhos animados da época.. enfim, ainda hoje se está a dar um programa de culinária...stop!... acabou-se o zapping! :) Com vocês também foi assim? Desde quando surgiu o vosso gosto pela culinária?
O meu gosto vem desde cedo, mas aprofundou-se desde que tive necessidade de cozinhar para mim todos os dias... comecei a viver sozinha aos 22 anos de idade e desde aí tudo o que preparo é com entrega e muito carinho...nem sequer consigo entender como existem pessoas que fazem comida sem gosto e por "frete"...claro que há dias que estamos cansadas e sem inspiração ou vontade...mas para mim até uma simples sandes e um copo de leite eu faço com muito gosto! :)

Desculpem o enoooorme post...vamos ao vídeo :))

Vejam e imaginem...ah e deliciem-se! :)




video
 

Açorda de Tomate



Quando vi esta açorda no blog da querida Luísa Alexandra, simplesmente não resisiti...tive de experimentar...!!

Posso dizer com toda a certeza que é uma delícia, todos gostaram e desapareceu todinha... Obrigada Luísa pelas tuas sugestões deliciosas!!

Vejam a receita aqui.
Alterei apenas um ingrediente, como não tinha chouriço em casa, juntei bacon em tiras.

Acompanhei com entremeada grelhada...



Bom apetite!!

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Pizza com Bacon, Presunto e Paio



Esta é a 2ª pizza da noite das pizzas.
A 1ª que partilhei foi a vegetariana...
Esta foi a preferida da maioria... Eu também gostei muito, gosto sempre... :))

Ingredientes:

Massa para pizza (peço 4 bolas +/-)
5 colheres de molho tomate para pizza
1 cebola
1/2 pimento verde
200 gr de bacon às tiras
4 fatias de presunto
4 fatias de paio (ou chourição)
1 lata de cogumelos laminados (+/-300gr)

Preparação:

Polvilhe a bancada de trabalho com alguma farinha e com o rolo de cozinha estenda a massa. Deixe-a com a espessura pretendida.
Coloque-a no tabuleiro de ir ao forno, forrado com papel vegetal.
Espalhe por cima da massa o molho de tomate para pizza. Coloque por cima os restantes ingredientes, cortados e colocados a gosto. Polvilhe com o queijo ralado e oregãos a gosto.



 Leve ao forno pré-aquecido a 180º durante 30 m...

O queijo parece queimado, mas não...ficou tostadinho :)...quer dizer super tostadinho, mas bom! :)



Bom apetite!!


Molho de tomate para pizza

Deixo aqui a minha sugestão caseira de molho de tomate para fazer pizzas...Pensei que poderia fazer uma base de molho de tomate, sem ser a básica polpa de tomate... e ficou muito bom!

Ingredientes:

Polpa de tomate q.b.
1 cebola ralada
4 colheres de sopa de oregãos
2 folhas de mangericão picadas
1 pitada de açucar
1 fio de azeite

Preparação:

Colocar o azeite num tachinho e juntar a cebola ralada, a polpar de tomate, os oregãos e o mangericão picado. Deixar apurar uns 10 minutos em lume baixo, mexendo sempre.



Depois de pronto colocar sobre a massa da pizza.




sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Sopa de Peixe


Bom dia!

Hoje sugiro uma das minhas sopas preferidas... Comi esta sopa em casa da minha futura sogra e logo a adoptei para a minha cozinha... acrescentei-lhe só mais uns ingredientes.
É muito rica e saborosa...diria mesmo, deliciosa!! É uma refeição muito completa e pode mesmo servir como prato principal.
Espero que gostem...


Ingredientes:

2 postas médias de peixe (usei 1 de pescada e 1 de abrótea, mas pode usar outro a seu gosto)
3 ovos
Água q.b.
2 batatas médias
3 cenouras médias
1 cebola
3 dentes de alho
2 alho francês (sem a rama)
2 tomates maduros (opcional)
6 "palitos" de delícias do mar
1 copo de arroz
Sal q.b.
1 molho pequeno de coentros
Azeite q.b.
Vinagre q.b. (opcional)
Preparação:

Coloque a cozer, numa panela, as postas de peixe, os ovos e uma das cenouras cortada longitudinalmente em 4, sem colocar sal.
Numa outra panela, coloque as batatas, o alho francês, as cenouras, a cebola, os alhos, o tomate, um fio de azeite e sal q.b. Deixe cozer uns 20/30 minutos e depois passe com a varinha mágica.
Entretanto, retire o peixe depois de cozido, os ovos e a cenoura. Na mesma água, coloque a cozer o copo de arroz (certifique-se que o peixe foi bem escamado e se necessário coe a água). 
Retire as peles e espinhas do peixe e também as cascas dos ovos, corte a cenoura em cubinhos e reserve. Ao fim de 8 minutos apague o lume ao arroz. Passe por água fria só para tirar a goma.
Volte a colocar a sopa ao lume, juntando-lhe agora a cenoura cortada e o arroz já cozido. Vá mexendo e retifique o sal.
Junte as delícias do mar cortadas aos pedacinhos ou desfiadas, como preferir, o peixe desfiado, o ovo cortado às rodelas e coentros picados grosseiramente.
Sirva de imediato.



Dica: Já no prato deite umas gotas de vinagre, dá-lhe um gostinho maravilhoso!

Bom apetite!!




Esta flor é do meu jardim...é para todos vocês...51 amigos que me acompanham! Obrigada :)
Tenham um óptimo fim de semana!! Aproveitem bem e sejam felizes!

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Mini Palmiers de Canela


Vi esta receita aqui e aqui, e não resisiti...tive de experimentar e fazê-los no mesmo dia!

São super fáceis de fazer, deliciosos e económicamente irresistíveis!! :) Fazem-se em 10 m, cozem noutros 10 e comem-se muito rapidamente...!!
Experimentem que não se vão arrepender... estes da foto foram resgatados à última da hora porque senão nem para a foto, só na barriguinha já toda satisfeita :)



Bom apetite!! E parem de comer ao 3º......se conseguirem!! :))

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Chá de Limão

Imagem daqui

Quem não gosta de limão? Conheçam mais um pouco das suas propriedades e benefícios...


O chá de limão é tão simples como ferver a água e adicionar o limão e um ponto sumamente interessante desta infusão é que mesmo adoçando-a com açúcar ou mel ela não perde o seu sabor e a diferença radica em que com mel a quantidade de calorias ingeridas é infinitamente menor.
Falemos um pouco a respeito dos benefícios que podemos obter bebendo este chá e das propriedades do chá de limão.
A ingestão de limão representa uma grande injeção energética; o limão ingerido como fruto ou aplicado na aromaterapia carateriza-se por infundir a sensação de vitalidade no consumidor. Ao remover as toxinas do sangue, o limão permite energizar o corpo e a mente, incentivando a claridade mental.
Ele é também um desintoxicante sanguíneo, e tanto o limão em si como o chá de limão têm um efeito limpador do corpo ao remover as toxinas contidas nele. Estas toxinas podem fazer que o organismo decaia e que contraia doenças. O mesmo ocorre com as toxinas da pele, que podem causar câncer no corpo e envelhecê-la prematuramente. O chá de limão encarrega-se de eliminá-las e livrar-nos destes problemas.
Finalmente, vale dizer que o chá de limão é um digestivo formidável ao exercer um efeito relaxante no estômago, permitindo-lhe trabalhar com maior comodidade e sem espasmos que prejudiquem a digestão de alimentos. Trata-se também de um anti-séptico muito efetivo, pois seus antioxidantes têm propriedades anti-bacteriais e anti-virais.

Texto retirado daqui


O limão é considerado um anti-séptico natural e poderá ser extremamente útil no sistema de limpeza do corpo humano. Este chá actua como purificador e pode prevenir a manifestação de várias doenças. Há quem defenda que a altura ideal para beber este chá é logo pela manhã, renovando-o e purificando-o para o resto do dia e aumentando consideravelmente a sua taxa metabólica. O chá de limão, por ser antioxidante, reduz ainda a possibilidade de vir a sofrer de cancro, devido à redução de toxinas no organismo.
Para o preparar, ferva um bule de água, deixe repousar, e coloque as cascas de limão. Deixe actuar 5 a 10 minutos e se assim o entender beba-o adicionando uma colher de mel. Poderá também acrescentar umas gotas de sumo de limão.

Benefícios do Chá de limão


- Prevenção do cancro;

- Como o limão é adstringente pode ajudar a reduzir o acne e outras doenças de pele;

- Como é desintoxicante, é bom para a gripe;

- Elimina a toxinas do sangue;

- Efeito calmante sobre o estômago;
Texto retirado daqui
Imagem da net
As suas aplicações na vida doméstica são inúmeras. Com o suco da fruta, preparam-se refrigerantes, sorvetes, molhos e aperitivos, bem como remédios, xaropes e produtos de limpeza. Da casca, retira-se uma essência aromática usada em perfumaria e no preparo de licores e sabões.
Em Fitoterapia, é utilizado para diversas patologias, tais como reumático, infecções e febres, aterosclerose, combate ateromas (remove placas gordurosas das artérias), constipações, gripes, dores de garganta, acidez gástrica e úrica (alcaliniza o sangue), frieiras, caspas, cicatrizações, ajuda a manutenção de colágeno, hemoglobina, atua como anti-séptico entre outras. O limão possui uma substância própria denominada limoneno capaz de combater os radicais livres. É, fundamentalmente, um remédio tónico que ajuda a manter a boa saúde.

Texto retirado daqui

Bolo de Courgette Coco e Limão



Há muito tempo que andava curiosa com a courgette em bolos...vi imensas receitas e anotei muitas.
Num domingo de manhã, com almoço marcado em casa de familiares, lembrei-me que podia levar um bolo para comer com o cafézinho com o tal ingrediente surpresa...a courgette.
Como não tinha comigo os meus apontamentos culinários, tive de fazer "de cabeça"... puxei um pouco pela memória visual ...e ficou muito bom...!

Limão e coco era o que havia em casa e combina muito bem. Inspirei-me numa das deliciosas receitas de courgette da querida Ameixinha :)

Muitos outros estão em lista de espera...mas para já fica este...
Espero que gostem...

Ingredientes:

200gr Farinha com fermento
100 gr Maisena
250 gr açúcar
5 ovos
1 courgette pequena ralada (+-100gr)
2 colheres de sobremesa de açúcar baunilhado
80 gr coco ralado
1 limão (sumo e raspa)
4 colh. sobremesa de óleo

Preparação:

Lave bem a courgette e rale-a sem a casca. Retire bem o excesso de água.

Num recipiente misturar as gemas com os açucares até aumentar um pouco o volume.
Junte a courgette ralada, o coco, o sumo e raspa do limão e o óleo. Mexa tudo muito bem.
Introduza as farinhas aos poucos e bata tudo durante uns 10m na batedeira.
Bata as claras em castelo e envolva aos poucos, delicadamente.
Unte um tabuleiro e polvilhe com farinha.
Coloque a massa num tabuleiro untado e polvilhado.
Por cima coloque mais um pouco de coco ralado a gosto e leve ao forno pré-aquecido a 180º durante 45m.





Fica um bolo bastante aromático e agradável.

Nota: A courgette pode ser ralada com a casca.


Bom apetite!!

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Filetes de Pescada panados com Arroz frito e Salada


Bom dia! Espero que tenham tido um bom fim de semana! :)
Hoje sugiro uma das minhas refeições preferidas, filetes de pescada panados... ficaram muito bons!
Ingredientes:

4 filetes de pescada
2 dentes de alho
1 limão
Sal q.b.
Pimenta preta moída q.b.
Pão ralado com alho e salsa (usei Espiga)1 gema de ovo
Farinha q.b.
Óleo vegetal para fritar

Para o arroz:
2 copos de arroz
4 copos de água (quente)
1 fio de azeite
Sal q.b.

Para a salada: Tomate
Pepino
Cebola
Pimento vermelho
Coentros
Azeite e vinagre
Sal q.b.

Preparação:

Comece por temperar os filetes com sal, pimenta, alho laminado e o sumo de limão. Deixe marinar (no mínimo 30 minutos).
Coloque em 3 pratos diferentes a farinha, a gema de ovo e o pão ralado.
Ponha o óleo a aquecer numa frigideira grande.
Escorra os filetes da marinada e passe-os nesta ordem: farinha, gema de ovo e pão ralado. Coloque-os a fritar e, ao fim de uns minutos, vire para ficarem uniformes. Retire-os e coloque-os em papel absorvente.

Preparação do arroz: Num tacho, ponha um fio de azeite a aquecer e frite durante 3 minutos o arroz. Junte-lhe a água (já aquecida) e mexa só até começar a ferver. Tempere com sal, tape e deixe cozer 10 minutos.

Preparação da salada: Corte em cubos todos os ingredientes e tempere com sal, azeite, vinagre e coentros na quantidade desejada.

Bom apetite!!

sábado, 13 de agosto de 2011

Pasta de atum&delícias com coentros


 Olá a todos!

Ontem, para petiscarmos um pouco, resolvi fazer uma pasta de atum e delícias do mar e juntei uns coentros frescos que estavam a precisar de serem utilizados... ficou mesmo muito saborosa e fresca. Recebi muitos elogios e por isso partilho-a aqui convosco para que possam comprovar e provar esta delícia... :)

Ingredientes:

3 latas de atum ao natural
15 tiras de delícias do mar
3 colheres de sopa de coentros picados
1 cebola pequena
4 colheres de sopa de maionese (ou a gosto)
Sumo de limão (+/- 1 colher de sopa)
Pimenta preta moída
1/2 colher de café de caril em pó

Preparação:

Colocar na picadora o atum escorrido, as delícias do mar, a cebola e os coentros picados. Pique tudo muito bem até ficar em pasta.
Num recipiente misturar o preparado anterior com a maionese. Temperar a gosto com a pimenta preta moída e a pitada de caril. Regue com o sumo de limão. Misture tudo muito bem.

Bom apetite!